Masou Gakuen HxH | Vol 4 - Cap 3 (Parte 1)

 


HxH Vol 4 - Capítulo 3 (Parte 1) - Operação de Recaptura em Tóquio

Capítulo 3 (Parte 1) - Operação de Recaptura em Tóquio


Parte 1

A entrada de Tóquio tinha uma forma que atravessava o palácio imperial do Japão, exibia uma presença estranha.
Era uma parede transparente que atravessava cerca de um quilômetro na horizontal e na vertical. Não tinha espessura, a superfície estava brilhando e balançando lentamente como uma superfície de água. Deste muro de luz, armas mágicas e frotas chegaram em grande quantidade. Era uma história compreensível para Tóquio estar muito danificada.
A área da costa da baía estava particularmente em más condições, foi transformada em um campo queimado com apenas entulhos que se estendiam continuamente. Não havia quase nenhum edifício danificado nas cidades de Hibiya, Ginza... A estrada principal desmoronou, a ponte caiu, as estradas comuns também estavam cheias de escombros e o tráfego ficou paralisado. Tóquio havia perdido completamente sua função de capital.
Além disso, o dano humano também foi considerável. E então, mesmo depois que a batalha se acalmou, Tóquio tremia das figuras de armas mágicas que passeavam como se fossem donas do lugar, as pessoas estavam vivendo escondidas. Linhas de vida como eletricidade e água não funcionavam, a quantidade de alimentos também atingiu o fundo do poço.
O povo não tinha esperança, também não havia meios de salvação. O que restou foi apenas morrer. A única diferença era se vinha rápido ou devagar. Em vez disso, era melhor morrer rapidamente com uma dor que duraria apenas um pouco. O número de pessoas que pensavam assim não era pequeno.
Mas, isso também foi apenas a história do mês passado.
"A reconstrução está indo bem, não é?"
Hida Nayuta estava andando de Yurakucho(Distrito comercial de Tóquio) em direção à entrada.
“Sim…… o trabalho é realizado focado em cada bloco… o edifício em Yurakucho e Marunouchi será concluído em breve.”
Um grande número de pessoas estava indo e vindo nas proximidades. Quando havia uma pessoa que usava um terno de negócios como um trabalhador da empresa, havia também alguém que trazia sua família para fazer compras. Além disso, jovens casais masculinos e femininos que pareciam estar namorando também não eram poucos.
Essa cena era como a situação antes do 2° Conflito com a UA, quando a cidade estava florescendo de férias. Eles não estavam preocupados com nada, quer fosse com os prédios desmoronados, os caminhos fechados, a frota da UA flutuando acima, ou mesmo a entrada que ficava no alto onde a UA chegava, dividindo o palácio imperial em dois. Era como se fosse natural que essas paisagens estivessem lá, ou como se essas paisagens nem sequer entrassem em seus olhos.
Em meio ao congestionamento de pessoas, Nayuta, que usava as roupas da UA e Valdy, que usava armadura mágica, caminhava. As roupas de Nayuta eram um casaco longo branco que foi encomendado na UA. Deu a impressão de uma túnica de médico, mas também de uniforme militar. Ser informado de que eram roupas de um filme de ficção científica também poderia convencer qualquer um. No mínimo, não havia dúvida de que reuniria olhares curiosos no meio da cidade.
No entanto, não havia ninguém que prestasse atenção a essas duas, mesmo quando passavam um pelo outro.
“De acordo com o projeto da usina mágica que Nayuta-sama criou…… estamos avançando nas áreas próximas à entrada. Há algum problema?"
"Não. É realmente maravilhoso."
A bochecha de Valdy ficou vermelha com as palavras de louvor de Nayuta.
O som da construção soou de todos os lados. Um grande número de trabalhadores estava removendo os escombros da rua e avançando no trabalho de reconstrução da calçada.
Os trabalhadores conversavam entre si sobre o andamento do trabalho, também conversavam sobre coisas triviais. No entanto, o conteúdo dessas conversações parecia sombrio em alguns aspectos.
“Eu vi ontem na televisão, você sabe, no programa gourmet. A comida parecia muito barata e saborosa."
"Então, que tal experimentarmos isso depois que o trabalho terminar?"
Aquela loja foi destruída no 2° conflito com a UA. Em primeiro lugar, no momento, a estação de transmissão não estava funcionando, então não havia transmissões de televisão. Independentemente disso, esses trabalhadores estavam repetindo a mesma conversa todos os dias. No entanto, eles estavam conversando animadamente, como se estivessem realmente se divertindo, como se estivessem falando desse assunto pela primeira vez. Seus olhos também estavam transmitindo vitalidade total que só poderia ser pensada como proveniente de um humano.
"Parece que também não há problema no controle da mente."
"Sim...... no experimento anterior, a imperatriz também entendeu sobre a utilidade da usina mágica...... graças a isso, Zelcyone-sama também gentilmente emprestou seu poder ainda mais do que antes."
“Mesmo assim, ela conseguiu fazer lavagem cerebral em uma escala tão grande. O poder de Zelcyone-sama é realmente incrível."
“Sim, mas é apenas para o interior da linha Yamanote...... o anel ferroviário. Uma magia de área ampla é empregada usando a via férrea do anel, então... é assim que é, por favor, não tente sair para o exterior... porque é perigoso. ”
As pessoas que gastam um meio de vida rico e pacífico eram apenas as da linha Yamanote. Em contraste, o lado de fora estava em ruínas, quase não havia humanos que moravam no bairro. Só que havia a possibilidade de força de resistência de humanos à espreita nas proximidades.
"Entendido. Peço sinceramente que não permita que os humanos se aproximem do interior da linha. Afinal, será preocupante se eles destruírem a instalação da usina magica.”
"Sim, sim. Eu acho que vai ficar bem. O patrulhamento das armas mágicas também... continua."
Nayuta olhou para a direção do lado de fora da linha do circuito. Então, no lado oposto da estrutura aérea da linha de Yamanote, ela podia ver armas mágicas [Blue Head] e [Albatroz] alinhando-se.
"Certo. A seguir, é sobre o trabalho de expansão da usina mágica, e o progresso na área de Kudanshita até Iidabashi?”
"O-O trabalho... está com falta de mão-de-obra... parece que será tarde."
"Se for esse o caso, vamos usar os senhores do exército americano que agora são usados ​​para manter a ordem pública."
Nesse local, as pessoas coletadas de Guam e Okinawa estavam com suas mentes controladas para serem usadas como força de trabalho. Havia especialmente um grande número de militares que eram usados ​​para manter a ordem pública. A UA estava usando humanos para lidar com os crimes de outros seres humanos e reprimindo as forças de resistência que eram contra a UA.
“Vamos aumentar a área onde podemos coletar energia assim. Temos que nos apressar para parar a destruição de Vatlantis, afinal."

Valdy assentiu com um rosto manso com as palavras de Nayuta.
"Nayuta-sama, Valdy...... mesmo que eu tenha que arriscar minha vida..."
Naquele momento, um som de explosão pôde ser ouvido na direção da baía de Tóquio.
Valdy se preparou para proteger Nayuta e ficou atenta às redondezas.
“O som agora…… é do mar…… as armas mágicas encontraram inimigos? Mas, não deveria haver mais humanos nas zonas costeiras.”
Nayuta sorriu para Valdy, que estava murmurando perplexa.
"Não. Provavelmente são os batedores de Ataraxia, caso contrário, é um ataque surpresa."
"Inimigo……"
Nayuta olhou para o céu da baía de Tóquio. O navio de guerra da classe de quinhentos metros que flutuava ali explodiu e caiu.
Nayuta murmurou alegremente.
“Então vocês vieram. Kizuna, Reiri.'

Parte 2

Na Ataraxia, Gertrude estava se posicionando no meio da sala de controle do Laboratório Nayuta em serviço de transmissão. Ela continuou sentada na cadeira de rodas, mas usava o Heart Hybrid Gear e abriu várias janelas de comunicação ao redor do corpo. Ela estava abrindo várias linhas para várias pessoas ao mesmo tempo, então várias janelas de comunicação estavam alinhadas.
Reiri veio ao lado dela e deu instruções a Gertrude.
“É hora de correr para Tóquio. Confirme a condição atual.”
Gertrude assentiu e escolheu a janela de Kizuna para conversar.
"Aqui é Ataraxia, explique a situação."
{Aqui é Kizuna. É completamente impossível explorar assim! A frota e as armas mágicas do inimigo são muitas.}
Reiri mudou de expressão.
“Kizuna! Você não pode passar sem ser notado?"
Reiri olhou para a janela e gritou com raiva.
Kizuna enviou a imagem que a câmera de Eros capturou para Gertrude. Todos os membros que viram a imagem transmitida para Ataraxia perderam suas palavras.
E então Kizuna gritou para a janela.
“A situação é exatamente como você vê! É igual ao 2° Conflito com a UA! ”
Uma grande força ainda mais do que se imaginava estava estacionada lá. Várias dúzias de navios de guerra estavam em espera no céu, entre aqueles navios havia dezenas, centenas de armas mágicas voando como nevoeiro.
“Vamos adiante! Cuidado com balas perdidas!"
Logo depois de dizer isso, uma bala de luz passou ao lado de Kizuna. Os navios de guerra implantados ao longo da Baía de Tóquio começaram seu bombardeio. E então as armas mágicas estavam avançando. Kizuna mergulhou no meio disso e voou enquanto escapava de armas mágicas e bombardeios. Ele mudou continuamente sua rota para a esquerda e para a direita, mudou-se em voo invertido e logo voltou a girar. Mesmo assim, uma bala que veio voando de algum lugar atingiu seu Life Saver e soltou faíscas.
"É impossível! Isso não é um problema no nível pelo qual podemos passar! ”
Kizuna e Amaterasu, e também Masters estavam fugindo dos inimigos à frente enquanto voavam para Tóquio. De alguma forma, eles escaparam do inimigo e chegaram perto da terra. Lá, desta vez, foram as armas mágicas que estavam de pé na estrada principal e no cruzamento que voaram uma após a outra.
Sons ferozes rugiram, Kizuna olhou para cima. Nesse momento, um dos navios de guerra que estava realizando bombardeios de navios foi dividido em dois. E então explodiu repetidamente enquanto se transformava em fragmentos de luz espalhados pelo vento.
Perto do navio havia um Heart Hybrid Gear vermelho flutuando enquanto segurava duas espadas de dois gumes.
Kizuna encarou a janela de Ataraxia e gritou.
“Himekawa afundou um navio de guerra com Gladius! Agora que chegou a isso, vamos pra cima. Vou usar essa abertura e vou investigar Tóquio!"
Reiri chamou com uma voz preocupada.
{Certo. Não esqueça de garantir uma rota de fuga.}
Kizuna respondeu afirmativamente e enviou uma comunicação a todos.
“Todo mundo, eu vou me infiltrar até o centro de Tóquio assim! Vou me retirar depois de investigar a entrada. Até então, derrotem todas as armas mágicas e os navios de guerra. Entendido!?"
{Sim!}
Vozes retornaram de todos os membros da Amaterasu e Masters.
Kizuna foi para o norte da Baía de Tóquio e voou acima da rua que continuava até Ginza e Yurakuchou. E então, quando ele atravessou a estrutura aérea da linha Yamanote, percebeu como a situação mudou completamente.
"O que é isso...... há um trabalho de reconstrução?"
Até agora, havia apenas ruínas que continuavam sem fim, mas de repente o cenário mudou para uma cidade com sinais de vida. Os trabalhos de construção estavam sendo realizados em todos os lugares da paisagem urbana ordenada, sem entulho.
E então, houve algo que foi ainda mais chocante.
"Pessoas! Há pessoas. Nee-chan! Também…… tem muitas, ou melhor…… ”
{O que!? Eles são pessoas da UA? Ou então, eles são humanos do nosso lado?}
"Eu não sei. Parece com um pouco antes do Conflito com a UA acontecer. Vou pousar depois disso para confirmar!"
Kizuna abaixou sua altitude. Ele não conseguiu reprimir o pulsar rápido do coração e aterrissou na rua sem diminuir a velocidade satisfatoriamente. Ele correu logo depois e conversou com um homem de terno andando nas proximidades.
"Espera! Você aí."
No entanto, aquele cara nem olhou para Kizuna e passou exatamente assim.
“Oi, oi! Espera aí!"
Era como se sua voz não fosse ouvida. Ele saiu sem voltar em um ritmo hesitante.
“Merda-, eu estou snedo ignorado! Ei, todos vocês!”
Dessa vez, havia um grupo de alunas do ensino médio vestindo uniforme. Três pessoas estavam conversando enquanto caminhavam.
“Eu vim de Ataraxia do Megafloat do Japão para libertar Tóquio. Eu tenho uma coisa que quero perguntar..."
No entanto, essas alunas também estavam ignorando Kizuna.
"Ei! Você não pode me ver?"
Kizuna agarrou o ombro de uma das meninas e a virou na direção dele.
Aquela garota finalmente olhou para Kizuna.
"Escute, eu....."
No entanto, o olhar daquela garota estava passando pelo corpo de Kizuna e focado no futuro. Ela não reconheceu a figura de Kizuna. Não havia nada particularmente incomum nessa garota, ela era uma garota realmente normal, com expressão e olhos que não estavam errados.
Só que ela não conseguia ver a figura de Kizuna, ela também não conseguia ouvir a voz dele.
"Ei, o que há de errado-?"
A companhia da garota chamou ela.
"Eh? Hmm. Nada."
A garota que Kizuna parou perseguiu as outras duas alunas com passos rápidos e assim continuou conversando enquanto caminhava.
'――― Que diabos, qual é o significado disso?'
Muitas pessoas estavam passando por Kizuna. No entanto, ninguém percebeu a existência de Kizuna. Algo frio rastejou nas costas de Kizuna.
'Eles não ouviram minha voz, mesmo quando eu estava conversando com eles, eles também não me viram. Isso é como se...'
"É como se eles estivessem hipnotizados...... você não acha?"
Ele ouviu uma voz que reconheceu. Kizuna voltou para a direção da voz com um salto assustado.
"Você veio Kizuna."
Do outro lado da multidão, Hida Nayuta mostrou sua figura vestindo as roupas da UA. Atrás dela estava Valdy se aproximando dela como uma sombra em sua armadura mágica Rael.
"Kaa-san!"
--------------------------
--------------------------
--------------------------
--------------------------

Tradutor: Ascherit
Revisor: Ascherit