S Rank Boukensha de aru Ore | Cap. 06

 


06 - Aptidão de Anna



◆ ◇ ◈ ◇ ◆

Subi até a porta dos fundos de uma taverna, segurando os ingredientes que comprei de um comerciante. Levei para o local designado pelo chefe da taverna.

"――Yosh. Isso é tudo."

Fuu~, eu exalei e virei meu pescoço rígido.

"Iyaaa. Sinto muito por isso, Kaiser. Mas você me salvou."

Olhando para trás, o dono da taverna estava sorrindo.

Seu nome era Jizelle.

Um homem de meia-idade com um bigode elegante.

"Não se preocupe. Enquanto estive fora, sempre deixei a administração da minha casa para você por muito tempo. Por favor, me deixe devolver o favor."

"Você é realmente um cara forte."

Eu o conhecia desde criança.

"Eu ainda estou ajudando a aldeia, especialmente como guardião. Desde que você voltou para esta aldeia, não precisamos temer os monstros. Graças a isso, a colheita deste ano provavelmente alcançará o maior recorde.''

"Isso é realmente bom."

" Kaizer, você está ensinando esgrima as crianças?"

" Sim. Para criar a próxima geração de guardiões - é exagero demais dizer isso. É uma boa ideia aprender habilidades com a espada, certo. E as crianças também estão entusiasmadas. Recentemente, eles estavam correndo para minha casa antes do meio-dia. Queriam muito que eu ensinasse esgrima."

"A primeira vez que você participou da competição de esgrima da vila, você ganhou o campeonato sem levar um único golpe. Aquela impressionante figura de menino estava queimada em meus olhos ―― No entanto, porque você era muito forte, você foi banido de participar da competição subsequente."

"Haha..."

Eu dei uma risada seca.

Isso foi um pouco traumatizante... 

senhor disse que iria olhar para as coisas que eu carregava...

"Mas a força é completamente diferente. Também sou uma pessoa que ainda tem força física, mas se tentar carregar essa quantidade de ingredientes de uma vez, minhas costas ficarão tensas. Além disso, você faz isso facilmente... Como esperado de um ex-aventureiro de rank A."

"Por favor, pare de me lembrar disso."

Eu sorri ironicamente.

"Agora me aposentei como aventureiro."

"Se aposentar. Os aventureiros não têm esse sistema. Se você quiser voltar, você pode ser um aventureiro novamente voltando para a capital.”

"Eu não vou voltar. Eu tenho filhas."

Eu já não tinha vontade de ser um aventureiro.

......Não, para ser exato, ainda havia um arrependimento.

Eu não tinha derrotado aquele Dragão Ancião, que havia destruído a cidade natal das minhas filhas. E provavelmente, pode ter atacado outra aldeia ou cidade.

Tenho que derrotá-lo pela responsabilidade de acordar ele.

――Apesar disso, voltei para a aldeia, como se para fugir da responsabilidade. Claro, havia um motivo, era para criar minhas filhas.

"Kaizer.

"Você quer dizer?"

"Quero dizer, você não é o verdadeiro pai dessas crianças. Elas vão perceber que não têm mãe."

"...Não, ainda não"

Eu respondi enquanto olhava para baixo.

"As crianças acham que sou o pai verdadeiro." Claro, direi a verdade quando chegar a hora.

"Existe a opção de esconder a verdade, você sabe."

"--Eh?"

“Se elas souberem que você não é o pai verdadeiro, essas meninas vão se surpreender, seja ela grande ou pequena. Então você não precisa dizer isso logo. Esconder a verdade também é uma gentileza.” - “Bem, o que você vai fazer? Você pode decidir por si mesmo."

"...Sim."

Eu concordei com a cabeça.

Olhei para a ocasião e disse a verdade ―― mesmo que eu tomasse essa decisão, eu não conseguiria. Ficaria cada vez mais difícil dizer com o passar dos anos.

"...Falando nisso, você mudou o interior da taverna?"

"Oh. Você notou? Eu mudei depois de receber o conselho de Anna. Não só o interior, mas também a porta de entrada mudou."

Eu olhei para a entrada da taverna.

Era verdade.

Anteriormente, era uma porta independente, mas agora era uma porta de entrada e saida.

Pude olhar para dentro da taverna de fora.

“Ela disse que os assentos não estavam em uma boa posição. E se o interior da taverna pudesse ser visto de fora, os clientes poderiam entrar tranquilos. Tentei exatamente como me disseram. E então, o número de clientes na taverna aumentou como nunca antes. Tudo graças a Anna-sama."

"Hee "

Eu levantei uma voz impressionada.

"Além disso, ela disse que o preço de compra era superior ao preço adequado. Ela negociou com um fornecedor. Graças a ela, pude comprar ingredientes barato. Foi incrível. Anna estava negociando muito bem com um empresário profissional. Ela se mantém e não é encurralada ao ouvir as opiniões do oponente. Foi uma habilidade que me deixou encantado só de assistir."

"Hahaa... Isso é incrível."

Eu sabia que ela tinha o talento para guiar bem as pessoas.

Por causa disso, ela foi elogiada pelo dono da mina.

Visto que Anna havia sido incumbida da tarefa de supervisionar no local e gerenciar os turnos, ela melhorou drasticamente a eficiência do meu trabalho.

Além disso, ela também demonstrou o talento para a visão de negócios.

A Anna é incrível.

"Kaizer, Anna é realmente incrível, terá um futuro brilhante. Tenho que aproveitar isso."

O senhor disse com um sorriso.

"Isso mesmo. Talvez eu contrate ela. É porque eu tenho um talento para ter conexões com pessoas talentosas."

"Haha..... ainda ama o dinheiro, hein."

"Claro, eu amo dinheiro." - "Mas o dinheiro não vem até mim e só se afasta em vez disso."

O senhor soprou a fumaça do charuto e sorriu ironicamente.

Eu também dei um sorriso amargo.

--------------------------
--------------------------
--------------------------
--------------------------

Tradutor: Ascherit
Revisor: Ascherit